MATO GROSSO DO SUL, sexta-feira, 16 de novembro de 2018 - BOM DIA!   
 P r i n c i p a l
 I n s t i t u i ç ã o
 E s t a t u t o
 H i s t ó r i c o
 D i r e t o r i a
 C a d e i r a s
 N o t í c i a s
 I m a g e n s
 A r t i g o s
 S u p l e m e n t o
 R e v i s t a s
 W e b - M a i l
» MEMBROS


WILSON BARBOSA MARTINS

   




WILSON BARBOSA MARTINS
Academia Sul-Mato-Grossense de Letras – Cadeira nº 38


   


   Wilson Barbosa Martins - Cronologia*

   1917
   Nasce na Fazenda São Pedro em 21 de junho, na região da Vacaria, então município de Campo Grande.

   1926
   Inicia o curso primário na escola de seu Caetano e pouco depois transfere-se para a escola de seu Machado em Entre Rios, hoje Rio Brilhante.

   1929
   Matricula-se no Colégio de João Tessitore Júnior em Campo Grande, no terceiro ano primário. Cursa simultaneamente a admissão ao ginásio e o primeiro ano do curso ginasial em 1930. Nesse ano o colégio é transferido aos padres salesianos.

   1934
   Transfere-se para o Liceu Nacional Rio Branco em São Paulo, onde conclui o curso ginasial.

   1935
   Ingressa no curso de Direito na Faculdade de Direito do Largo de São Francisco em São Paulo.

   1939
   Conclui o curso de Direito na Faculdade do Largo de São Francisco.

   1940
   Cola grau como advogado na mesma Faculdade, já integrada à Universidade de São Paulo.

   1941
   Retorna a Campo Grande, onde instala seu escritório de advocacia.

   1943
   Une-se pelo casamento com Nelly Martins.

   1946 a 1950
   Exerce o cargo de secretário-geral da Prefeitura de Campo Grande, MT.

   1958 a 1962
   Exerce o cargo de prefeito municipal de Campo Grande.
   No período de sua administração, concurso promovido pelo Instituto Brasileiro de Administração Municipal (Ibam) e pela revista O Cruzeiro elege Campo Grande um dos cinco municípios de maior progresso do Brasil.

   1963 a 1969
   Exerce mandato de deputado federal por Mato Grosso.
   (Por dois períodos foi escolhido pela imprensa como um dos dez melhores deputados por sua atuação nas comissões).
   Membro da Comissão de Justiça da Câmara.

   1966 a 1969
   Funda em Mato Grosso o Movimento Democrático Brasileiro (MDB) e se torna presidente do partido. Em 1969 é cassado pelo Ato Instituicional nº 5 (AI-5) do governo militar, tendo os direitos suspensos por dez anos.

   1979
   É eleito primeiro presidente da Ordem dos Advogados do Brasil - Regional de Mato Grosso do Sul (OAB-MS). No mesmo ano recupera seus direitos políticos.

   1981
   É escolhido presidente do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB).

   1983 a 1986
   Torna-se o primeiro governador de Mato Grosso do Sul eleito pelo voto popular.

   1987 a 1994
   Eleito senador constituinte, integra a Comissão de Sistematização da Assembleia Nacional Constituinte que elaborou a nova Carta Magna.
   Atua como membro titular da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania, e da Comissão de Educação e também, como membro suplente, da Comissão de Assuntos Econômicos e da Comissão de Serviços de Infraestrutura. No período de março de 1993 a março de 1994 preside o Instituto de Previdência dos Congressistas (IPC).

   1995 a 1998
   Eleito pela segunda vez para o cargo de governador do Estado de Mato Grosso do Sul.

   *Dados constantes do livro "Memória - Janela da História", Wilson Barbosa Martins - Editado pelo IHGMS, 2010.
   - direitos reservados -

   2010
   Lança o seu livro "Memória - Janela da História", em 06 de maio, pelo Instituto Histórico e Geográfico de MS.
   Inscreve-se e concorre a cadeira vaga da Academia Sul-Mato-Grossense de Letras - mês de setembro.

   Eleito por unanimidade para a cadeira nº 38 da Academia Sul-Mato-Grossense de Letras. Toma posse solene na ASL, na noite de 29 de outubro/2010, sendo saudado na ocasião pelo acadêmico Rêmollo Leteriello.

   A Cadeira 38 da ASL pertenceu anteriormente à saudosa acadêmica Nelly Martins.

 
Voltar

Academia de Letras


Copyright Academia Sul-Mato-Grossense de Letras
Todos os direitos reservados

::Webmaster::